Logo
Segunda-Feira, 18 de Dezembro de 2017 |
LOGIN REGISTO
PESQUISAR
Efectue facilmente a sua pesquisa por
artigo, revista ou outras informações...
Notícias > Notícias 2017 > Gerais > PRIMEIRAS JORNADAS DA REVISTA DE ARTILHARIA

Notícias

PRIMEIRAS JORNADAS DA REVISTA DE ARTILHARIA

27 Nov 2017

No passado dia 10 de novembro de 2017, tiveram lugar na Academia Militar em Lisboa, as primeiras Jornadas da Revista de Artilharia. A necessidade de discussão da formação inicial dos Oficiais de Artilharia, juntou no Auditório General Abel Hipólito, o Director Honorário da Arma de Artilharia, Major-General Fernando Cóias Ferreira e o Presidente da Comissão Executiva da Revista de Artilharia e Comandante da Academia Militar, Major-General João Vieira Borges com mais de quarenta Oficiais de Artilharia no activo, na reserva e na reforma. As jornadas foram organizadas em dois painéis. No primeiro painel, orientado pelo Brigadeiro-General Dias Gonçalves, foi abordado o "Perfil do Oficial do Exército", pelo Major de Artilharia Ricardo Assunção do Centro de Psicologia Aplicada do Exército e a "Formação Inicial do Oficial de Artilharia", pelo Tenente-Coronel Carlos Caravela. O segundo painel, orientado pelo Brigadeiro-General Tendeiro Raleiras, teve como tema a "Formação Técnico-Táctica do Oficial de Artilharia". Este painel contou com quatro oradores, o Coronel de Serviço Material Pereira da Silva, que como professor de Balística, abordou a evolução do ensino desta disciplina bem como os projectos que estão a ser desenvolvidos, nomeadamente o "Firend", o Capitão de Artilharia Humberto Gouveia, enquanto professor de Tiro de Artilharia, abordou a variação de conteúdos programáticos entre os cursos anteriores à implementação do Processo de Bolonha e os cursos posteriores a esta implementação, o Tenente-Coronel de Artilharia Élio dos Santos, com mais de sete anos de experiência de ensino na área da Táctica de Artilharia, na Academia Militar, abordou as questões relativas ao ensino da Táctica, referindo os aspectos que vão desde a carga horária até às necessidades de apoio das Unidades Operacionais para se poder dar uma formação completa e integral nesta área. Este painel contou ainda com a intervenção do Major de Artilharia Nuno Mira, do Centro de Informação Geoespacial do Exército e professor de Topografia na Academia Militar, que apresentou o programa de ensino de Topografia aos Cursos de Exército Armas, referindo a importância que o conhecimento e interpretação da Carta Militar e do terreno aí representado tem para que o Oficial do Exército possa exercer cabalmente as suas funções, quer em termos tácticos no que concerne ao planeamento e execução de operações, quer ao nível técnico na componente de Artilharia de Campanha ou  na componente de Artilharia Antiaérea, o que faz da Topografia uma área basilar e transversal a todo o ensino militar. A realização destas primeiras Jornadas da Revista de Artilharia permitiu observar uma perspetiva holística da formação inicial dos Oficiais de Artilharia a partir das unidades curriculares estruturantes e especificas do curso de Artilharia. Foi unanime a conclusão de que a formação específica dos Oficiais de Artilharia tem exigências de formação técnico-táticas particulares, pois sendo uma área muito vasta e complexa, necessita de que a formação inicial ministrada pela Academia Militar, seja complementada com formações posteriores orientadas para as funções específicas existentes nas Unidades de Artilharia.

Registe-se e...
SEJA SÓCIO
da Revista de Artilharia, por apenas 12€ por ano. Não perca! Conheças as condições e métodos de pagamento >
NEWSLETTER
Receba gratuitamente no seu email todas as novidades,
artigos e informações úteis da Revista de Artilharia.
INFORMAÇÕES
INFO SAÚDE
LINKS ÚTEIS
SÓCIOS
PAGAMENTOS ONLINE
Revista de Artilharia © Todos os direitos reservados | Política de Privacidade Site by omsite.com