Logo
Segunda-Feira, 16 de Dezembro de 2019 |
LOGIN REGISTO
PESQUISAR
Efectue facilmente a sua pesquisa por
artigo, revista ou outras informações...
Notícias > Notícias 2019 > Gerais > Exercício TROVÃO 192

Notícias

Exercício TROVÃO 192

06 Nov 2019

No período de 28 de outubro a 06 de novembro de 2019, o Grupo de Artilharia de Campanha (GAC) 10,5 Rebocado, do Comando da Brigada de Reação Rápida (BrigRR), sediado no Regimento de Artilharia N.º 4 (RA4), preparou e conduziu o exercício setorial TROVÃO 192, no RA4 e no Polígono de Tiro do Regimento de Artilharia N.º 5 (RA5) em Vendas Novas. Neste exercício, foram empenhados cerca de meia centena de militares e disparadas três dezenas de munições de artilharia.

O exercício TROVÃO 192 evoluiu em duas fases, decorrendo a primeira fase na forma de Live Exercise (LIVEX) e nos tipos Battle Staff Training (BST) e, a segunda fase na forma de Field Training Exercise (FTX) e Live Fire Exercise (LFX), com a finalidade de desenvolver e testar a capacidade operacional do GAC no apoio de fogos à BrigRR. O tema tático do exercício apoiou-se no cenário e operação conduzida pela BrigRR no exercício APOLO19.

Na 1.ª fase, de 28 a 31 de outubro, o Comando e Estado-Maior do GAC efetuaram BST, de modo a testar e aperfeiçoar os procedimentos relativos ao Processo de Tomada de Decisão Militar, tendo como enquadrante o planeamento efetuado pela BrigRR no exercício APOLO 19, a decorrer em simultâneo no RA4. Paralelamente, a 1.ª Bataria de Bocas de Fogo preparava todos os equipamentos e treinava Técnicas, Táticas e Procedimentos (TTP), com o devido apoio da Bataria de Comando e Serviços.

Na 2.ª fase, de 3 a 6 de novembro, o GAC foi projetado do RA4 para o RA5, onde foram treinadas e testadas as TTP relativas ao reconhecimento, escolha e ocupação de posições de artilharia, ao fluxo dos pedidos de tiro e de relatórios, e à reação a incidentes diversos. Como pináculo desta fase foram realizados fogos reais de artilharia. Para culminar foi efetuada a manobra de retração do GAC para o RA4, aplicados os planos de manutenção de equipamentos, materiais e viaturas, e realizadas as reuniões para a identificação das boas práticas e de detalhes a melhorar nos procedimentos. Salienta-se que, nesta fase o GAC foi reforçado, com uma Equipa Sanitária, constituída por um Oficial Médico da Direção de Saúde, por um Oficial Enfermeiro do RA5, e por um Socorrista do Centro de Saúde de Évora, e ainda por uma Equipa de Manutenção do Regimento de Manutenção.

Como nota final é incontornável destacar-se o excelente e inesgotável apoio prestado pelo RA5, sinónimo da insuperável camaradagem artilheira, e das potenciais sinergias para o acréscimo do produto operacional do GAC em primeira instância, mas seguramente da Artilharia de Campanha no seu todo, resultando mais proficiência, mais entrosamento, e mais espírito de corpo entre todos os militares.

Registe-se e...
SEJA SÓCIO
da Revista de Artilharia, por apenas 12€ por ano. Não perca! Conheças as condições e métodos de pagamento >
NEWSLETTER
Receba gratuitamente no seu email todas as novidades,
artigos e informações úteis da Revista de Artilharia.
Li a informação sobre a proteção de dados e aceito o processamento e uso dos meus dados pessoais para os fins mencionados.
INFORMAÇÕES
INFO SAÚDE
LINKS ÚTEIS
SÓCIOS
PAGAMENTOS ONLINE
Revista de Artilharia © Todos os direitos reservados | Política de Privacidade Site by omsite.com